Porquê o Casamento Gay vêm causando tanta discussão nas redes sociais?

Nesta sexta-feira, dia 26 de junho de 2015, foi oficialmente legalizada nos Estados Unidos da América o Casamento Gay, ou seja, a matrimônio homossexual agora será aceito no país da mesma maneira como é o matrimônio heterossexual. 
Para a entidade LGBT, clima de festa e comemoração, para religiosos e conservadores, uma blasfêmia contra os princípios de Deus. A cada dia, os LGBT's estão ganhando cada vez mais respeito e apoio de vários heterossexuais em todo o mundo. A ideologia científica da "cura gay" é uma afronta aos diretos humanos e uma verdadeira ofensa aos homossexuais. Hoje, a homofobia é um dos assuntos mais debatidos no mundo, em vários meios, rádio, TV, revistas, jornais, encontros religiosos, em igrejas e principalmente nas redes sociais, que por fim, diante da fácil, rápida e prática ferramenta do Facebook, procura-se expressar opinião em discurso altamente direto, sem análise de fato, procurando assim, impor de forma objetiva a encontrar a verdade por meio de curtidas e comentários a verdade sobre o assunto. Se os discursos são diretos e sem medição de palavras, se são repletos de achismos e cheios de subjetividade, individualismo e moralismo, acaba-se resultando em ofensas, mágoas e até em rompimento de amizades e laços de família. Porquê as redes sociais são tão cheias de ódio? Simplesmente porque hoje há o egoísmo e o sentimento de que podemos manipular os outros em favor apenas do nosso ponto de vista. Para aqueles que não concordam com a homossexualidade, para os gays são homofóbicos e para os homofóbicos, os gays são doentes, providos de um desvio biológico. Hoje, as classes estão altamente camufladas na sociedade e o que era antigamente uma utopia, hoje é uma realidade. Pobres, ricos, brancos, negros, mulheres, homens, trans, e deficientes físicos e mentais compartilham o mesmo espaço, as mesmas empresas, as mesmas praças, as mesmas escolas e faculdades e é por isso que estamos vivendo conflitos sociais. Nós, seres humanos, cada um acostumado com o seu mundo, ainda não aprendemos de fato a conviver juntos e a dividir o mesmo espaço, as mesmas ideias e o mais difícil, a mesma religião. Se hoje o liberalismo chegou para ficar, então todos nós teremos que formatar nossos cérebros para o novo cenário mundial, o cenário da inclusão social e da assertividade, e isso não é fácil. 
Será preciso fazer uma limpeza em todos os pontos de vista que construímos desde crianças para que possamos novamente construir uma nova visão de mundo que dê espaço à diversidade derivada do pós-modernismo atual. E como toda formatação é cansativa, com nosso cérebro não é diferente. É formatação sem back-up! É começar de novo uma nova visão de ideias e que não poderá jamais ser considerada definitiva, ou seja, sempre haverá uma nova síntese para aceitarmos em nosso meio. Nosso mundo hoje encontra-se em constante transformação, a cada minuto, uma nova informação, a cada segundo, uma nova notícia e será exatamente por isso que o preconceito não será mais tolerado no mundo. Tudo que provém de vida, deverá ser aceito! E aquele que não pensar assim, infelizmente não terá espaço neste novo mundo. 
Portanto de nada adiantará as postagens moralistas e individualistas nas redes sociais, não há como impedir. 
O casamento gay hoje é uma realidade e o cérebro que ainda não aceitou isso deve ser formatado "sem back-up".
Hoje, ninguém mais é dono da razão. Cada um é dono de sua própria vida e podem fazer dela o que quiserem. 
 

Porquê o gay se tornou um ativista?

 
Porque ele quer aceito como uma pessoa normal que tem as mesmas necessidades fisiológicas de um hetero. Os homossexuais são hoje considerados uma classe revolucionária na luta pela inclusão social em todos os meios, principalmente nas igrejas, onde são os mais discriminados. 
 

Porquê a homofobia?

 
Todo preconceito provém de um sentimento, o medo. Brancos tinham medo do negro diante da educação que tiveram nas escolas brancas de que esta raça é inferior e amaldiçoada. Isso se estabilizou na história do mundo, provocando graves consequências que são presentes até hoje, como a pobreza, a miséria e a violência que atinge em massa os negros, decorrente da escravidão e a falta de oportunidades que tiveram no capitalismo, sendo automaticamente rotulados como seres maus. 
 
Religiosos tinham preconceito contra ateus por conta da crença de que todo ser humano que não acredita em Deus, já tem uma aliança com o malígno. Muitos já foram humilhados e até sentenciados a morte. 
 
O preconceito contra deficientes é o mais comum, obviamente pelo medo de a doença ser contagiosa. 
 
E com o homossexual, não é diferente! 
Heterossexuais tem medo de se tornarem homossexuais só por estarem perto deles, ou presenciarem uma cena de afeto gay, acreditam que já podem estar sendo seduzidos pela vida homoafetiva, desintegrando assim, laços familiares, perda de alguém que ama, medo da solidão e por fim, a quebra dos preceitos da lei de Deus apresentadas na Bíblia Sagrada que afronta a homossexualidade em forma de pecado, resultando no fogo eterno. 
 
Bom, independente de quem vá ou não para o inferno, um tabu precisa ser quebrado. Afinal, nasce-se gay ou torna-se gay? 
LGBT's relatam que nasceram gays, já héteros dizem que sexualidade é algo que provém de educação familiar. 
Pense um instante. Quem está tão desesperado na luta por seus diretos é porque gosta de ser o que é. E isso é um Direito! 
Mesmo que exista um certo tratamento para mudança de orientação sexual, a escolha provém do gay, e nenhuma escolha é doença. Se ele quiser ser gay, a justiça o dará este direito. Ao mesmo tempo que um gay fazer uma tentativa de ser hétero, isso também é escolha dele, e sim, ele tem direito pra isso. 
Quem sabe devamos apoiar a escolha e a vida do próximo e ser independente das pessoas para que possamos aprender a viver melhor em sociedade, isso dará mais uma vitória ao amor! #LoveWins!
 

Redação: Ramon Ribeiro dos Santos

 

 Redes Sociais

    

Um site feito especialmente para você que procura o melhor do bem-estar e auto-estima na Internet, sempre tendo a comodidade de encontrar um conteúdo saudável na web, que promova sempre o bem, o amor, a paz, o otimismo, a alegria, o conhecimento, a música, a informação e a educação. 

Nosso site está localizado na cidade de Ouro Fino, no Sul de Minas Gerais, como a primeira empresa de publicidade globalizada culturalmente de nosso município, promovendo a qualidade da internet ourofinense e do Brasil. Aproveite sempre o que o mundo tem de melhor! 

Sempre ótimos dias para você e sua família!