Impôr limite não é preconceito

Impôr limite não é preconceito

Não aguenta uma birra? Não tenha filhos!

Tem muito pai e mãe por aí que está sendo manipulado a acreditar que dizer "não" a seu filho é uma forma de opressão e até de preconceito. O preconceito realmente existe, mas não se manifesta através de uma negação, se manifesta em atitudes egocêntricas de quem se acha superior aos demais e a opressão caracteriza-se em violência e discriminação e ouvir um "não" nada tem a ver com estes fatos, exceto quando alguém não aceita um 'não' como resposta, seja em qualquer tipo de relacionamento humano. 
O fato é que hoje estamos vivendo a era da "infantolatria", ou seja, pais e mães que amam exageradamente seus filhos, não conseguem vê-los chorar perante um 'não' e topam ceder tudo o que eles querem. Com o passar do tempo, não é mais os pais que governam a casa, mas sim os filhos que ditam o que vai se ver na TV, o que vai se comer e até quem dá a última palavra, mesmo que ele não saiba de absolutamente nada do que está dizendo ou assistindo. Muitas crianças já tem acessos a conteúdos impróprios e obscenos na televisão e na internet por não terem alguém para lhe impor autoridade. 
Quando se vê, os filhos já mandam em tudo e os pais viram meros escravos ou mais gentilmente falando, mordomos de seus filhos. 
Reverter esta situação depois não será fácil. Esta criança poderá apresentar dificuldades para crescer, para encarar a adolescência e os limites que o mundo exige da vida. É preciso saber que ouvir um 'sim' sempre é prazeroso, mas é preciso saber que o 'não' é sempre a palavra mais comum de nossas vidas, por estarmos em um mundo onde nada é graça. 
É preciso que se eduque os filhos com cautela para que futuramente eles não caiam nas armadilhas que dizem 'sim' a qualquer custo para aprisionar seus reféns, no caso, as drogas, o crime e as orgias. 
Já dizia um famoso sábio, Vladimir Maiakóvski: "Amar não é aceitar tudo, aliás: onde tudo é aceito, desconfio que há falta de amor". 
Não nascemos livres e essa tal liberdade que todos pregam nunca exisitirá neste mundo! Somos feitos de carne e osso e ninguém poderá culpar uma pessoa por preconceito caso ela diga que o forte sempre vence o mais fraco, por que é verdade! 
É claro que todos devem ser respeitados, mas se tem alguém que realmente não liga para nossos depoimentos ofegantes por direitos lá e cá é a natureza, esta não tem pena de ninguém e nosso corpo é a natureza. Estamos apenas morando nele! 
Preconceito se vence com respeito e isso começa respeitando a si mesmo, parando de exigir dos outros o que não dá de si mesmo. 
Respeito é recíproco! Preconceito também!  

 

Texto: Ramon Ribeiro dos Santos

 

 Redes Sociais

    

Um site feito especialmente para você que procura o melhor do bem-estar e auto-estima na Internet, sempre tendo a comodidade de encontrar um conteúdo saudável na web, que promova sempre o bem, o amor, a paz, o otimismo, a alegria, o conhecimento, a música, a informação e a educação. 

Nosso site está localizado na cidade de Ouro Fino, no Sul de Minas Gerais, como a primeira empresa de publicidade globalizada culturalmente de nosso município, promovendo a qualidade da internet ourofinense e do Brasil. Aproveite sempre o que o mundo tem de melhor! 

Sempre ótimos dias para você e sua família!