A desunião se origina através do orgulho

 

 
Podemos relacionar uma desunião amorosa com uma simples moeda quebrada ao meio. Se a moeda não estiver completa com a sua outra parte, não valerá absolutamente nada e você não conseguirá comprar nada com ela. É preciso que os dois lados estejam unidos, juntos. União amorosa é assim! É mais do que um laço, é simplesmente um vínculo, um laço que não pode ser desfeito por ninguém. Só conseguimos amar quem nos ama e se amamos é por quê dependemos que essa pessoa seja feliz para que possamos ser felizes também. 
 
Para que possamos entender o verdadeiro contexto de desunião, é preciso primeiro entender o verdadeiro significado de orgulho. Orgulho se representa em tudo aquilo que você realmente quer a seu favor, sem pensar nos benefícios, opiniões e pontos-de-vista de outras pessoas, seja o seu próximo ou sua comunidade ou no lugar onde você vive. O orgulho se origina de uma doença muito conhecida chamada narcisismo, que em uma explicação melhor, é quando lhe acontece o fato de uma pessoa se apaixonar pela própria imagem ou personalidade, excluíndo-lhe qualquer outra possibilidade de admiração ou conhecimento por outra pessoa. Normalmente, o narcisismo torna a pessoa um ser incapacitado de se apaixonar e até mesmo de amar, simplesmente por quê está focado, ligado e simplesmente apaixonado pelo seu próprio ser, se colocando assim no centro do mundo e julgando a todas as outras pessoas ao seu redor como seres altamente inferiores a sua pessoa, excluindo qualquer forma de aproximação ou relacionamento por se achar valioso demais. De acordo com especialistas, médicos e psicólogos, essa é uma doença social que pode ser fatal, pois a pessoa portadora dessa doença pode acabar ficando altamente solitária, sem amigos e até com grandes dificuldades de assumir um relacionamento amoroso. Saiba que grande parte do nascimento do narcisismo patológico pode se dar muito por adulações alheias ou até mesmo bajulações sem controle do próprio parceiro ou até mesmo dentro da própria família. Na tentativa então de a pessoa tentar ser perfeita, pode acabar entrando em uma enorme depressão por não conseguir com sucesso alcançar através de suas qualidades, todos os elogios que ela recebe. Assim, ela vai se afastando cada vez mais das pessoas por medo simplesmente de ser elogiada ou que as pessoas notem nela uma qualidade ou um simples defeito, nem que seja pelo olhar. Diante de toda essa solidão, a pessoa torna-se orgulhosa, a ponto de acabar se exaltando demais sobre os outros através dos elogios alheios e assim, ela acaba permancendo sozinha. É como se o ego dessa pessoa explodisse para o alto além do normal, se achando assim um Deus. Outra grande causa para o narcisismo patológico é um outro grande dano moral, hoje, muito conhecido e falado em muitas escolas e em instituições, o famoso bullying. O bullying é uma palavra de origem americana e deriva da palavra: "bully" que significa "agressor" em inglês. O bullying se origina em um aspecto totalmente visível em nossas escolas. Ele é despertado através da inveja, que geralmente é despertada por muitos alunos que aprenderam já desde pequenos, normalmente em creches e mídia televisiva, todos os aspectos da violência e da busca pelo poder. Essas crianças já começam crescendo com grande autonomia e autoridade sobre si mesmos, aprendendo que tudo deve ser como elas querem, chegando até a discutir e berrar com os seus próprios pais para conseguirem o que querem. As crianças que são vítimas de bullying, normalmente são aquelas mais educadas, mas dedicadas aos estudos e com melhor instrução e maior tempo de diálogo e orientação dos pais. Já começam aprendendo que as coisas, para serem realizadas, não são simples e que é preciso respeitar as opiniões e as decisões do próximo em todas as ocasiões. Diante desse fato, essas crianças se tornam uma maravilha para os seu pais e professores, porém, como tudo na vida tem preço, são obrigadas diante de todo esse ensinamento a renunciar grande parte de sua autoridade, que corresponde ao "saber dizer não" e ao discordar, duvidando assim também de que a sua opinião também vale. Como aprendeu a respeitar a todos e a tudo, começa a ver sua opinião sempre no vácuo, no vazio e assim acaba se tornando um adolescente com dificuldades de senso-crítico, formação de opinião e com baixa auto-estima. No caso então, terá também que requerer a uma ajuda psicológica e também psiquiátrica para que assim, possa formar sua opinião e sua personalidade pouco a pouco. Essa criança crescerá um adolescente com enorme complexo de inferioridade, colocando na cabeça que todo mundo vale alguma coisa, menos ele, que todo mundo tem capacidade, valor, opinião e personalidade, menos ele. Assim, ele passará a interpretar o mundo como algo que ele deseja superar escandolosamente. Seu sonho passa a ser, vingar-se e mostrar a todas as pessoas que lhe humilharam, seu verdadeiro valor e até mesmo sua autoridade. Se você não se lembra das últimas notícias de alunos vítimas do bullying que entraram em suas próprias escolas armados e cometeram assassinatos, podemos agora relacionar esse trecho a essas notícias. Haverá também um narcisismo nessa pessoa, mas de forma negativa e com grande desejo de dominar aos outros. Diante de todos esses fatos, logicamente que haverá desunião social, familiar e amorosa em qualquer lugar e em qualquer ocasião. Todas essas coisas causam traumas em pessoas. O certo seria agir exatamente como a criança educada estaria fazendo, mas saibamos que o ego do homem, do ser humano em si pode sim sair de controle com muita facilidade, e isso lhe faz, no caso, querer buscar poder e domínio sobre os outros. A religião nos ensina a humildade e a humildade é o ponto máximo da inteligência de um homem. Além da humildade nos ensinar o que nós realmente somos, nos faz também nos conhecer-nos de corpo, alma e mente, nos ensinando através do amor e do respeito que somos nesse mundo, todos iguais e que ninguém é superior a ninguém. Que todas as opiniões são válidas, que a beleza é vista através do coração, que tudo nesse mundo é digno de existir e que jamais poderíamos ser felizes sozinhos, sem família, sem amigos e principalmente, sem alguém especial do seu lado. Precisamos sempre de alguém muito especial do nosso lado, onde acontece o casamento, uma verdadeira amizade e principalmente família. A humildade nos ensina que ninguém é superior a ninguém e nos ensina o mais importante: Crer e amar a Deus sobre todas as coisas, de todo o teu pensamento, de todo o seu coração e de todo o seu entendimento. 
 
Redação: Ramon Ribeiro
                 Nosso Sistema de Ensino
                 Equipe Bem Estar Ouro Fino 
 
 

 

 Redes Sociais

    

Um site feito especialmente para você que procura o melhor do bem-estar e auto-estima na Internet, sempre tendo a comodidade de encontrar um conteúdo saudável na web, que promova sempre o bem, o amor, a paz, o otimismo, a alegria, o conhecimento, a música, a informação e a educação. 

Nosso site está localizado na cidade de Ouro Fino, no Sul de Minas Gerais, como a primeira empresa de publicidade globalizada culturalmente de nosso município, promovendo a qualidade da internet ourofinense e do Brasil. Aproveite sempre o que o mundo tem de melhor! 

Sempre ótimos dias para você e sua família!